...anunciou-se a morte da poesia nestes tempos da pós modernidade... mas a poesia voltou simplesmente ao seu início, à origem mais remota, ao canto, à música...
Sábado, 18 de Dezembro de 2004
mutilado de esp'rança
Há uma rapariga de outro mundo, de um lugar distante que me fala como ninguém e me faz sentir como se não houvesse peso nas palavras... está lá longe mas a cada dia uma promessa de proximidade... escrevi uma carta ao pai natal... pedi um presente... o primeiro que pedi na vida...

Burbujas de amor - juan luis guerra

Tengo un corazón
Mutilado de esperanza y de razón
Tengo un corazón que madruga dondequiera
¡ay!
Y este corazón
Se desnuda de impaciencia
Ante tu voz
Pobre corazón
Que na atrapa su cordura

Quisiera ser un pez
Para tocar mi nariz en tu pecera
Y hacer burbujas de amor por dondequiera
Pasar la noche en vela
Mojado en ti
Un pez
Para bordar de corales (cayenas) tu cintura
Y hacer siluetas de amor bajo la luna
Saciar esta locura
Mojado en ti

Canta corazón
Con un ancla imprescindible de ilusión
Sueña corazón
No te nubles de amargura



Y este corazón
Se desnuda de impaciencia
Ante tu voz
Pobre corazón
Que no atrapa su cordura

Quisiera ser un pez
Para tocar mi nariz en tu pecera
Y hacer burbujas de amor por dondequiera
Pasar la noche en vela
Mojado en ti

Una noche
Para hundirmos hasta el fin
Cara a cara
Beso a beso
Y vivir
Por siempre
Mojado en ti


Publicado por segismundo_frio às 17:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos


pesquisar
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Artigos recentes

O leão ruge esta noite

A decadência

sortuda

Re-habilitação

o fabuloso coro dos bombe...

por uma hora: belo e estú...

Antes

Depois

Baker Street não é só She...

...

Arquivos

Outubro 2008

Outubro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

blogs SAPO
subscrever feeds